No século XIX, a única coisa que os paulistas sabiam era que depois de Botucatu haviam terras que os índios Caingangues chamavam de Bauru.

Atraídos pelas terras férteis e a expansão ferroviária, os imigrantes passaram a povoar a região com o passar dos anos.

Hoje, Bauru é um dos mais importantes polos comerciais e de lazer do interior de São Paulo.

O turismo local é rico e diversificado, abrangendo atrações turísticas tanto nas áreas urbanas quanto nas rurais. São museus, parques, lojas, restaurantes, dentre outros atrativos.

Já comprou sua passagem para Bauru? Trouxemos um texto para ajudar a organizar a sua viagem. Confira!

1. Considere as condições climáticas

Ao planejar sua viagem é muito importante se informar sobre o clima. Afinal, ninguém quer ser surpreendido com um tempo ruim enquanto visita um ponto turístico, não é mesmo?

Em relação a isso não precisa se preocupar! Geralmente, a temperatura na cidade varia entre 15° C a 30° C durante boa parte do ano e raramente é inferior a 11° C ou superior a 35° C.

Com um verão longo e um inverno curto, a região proporciona um clima agradável para os seus visitantes aproveitarem os passeios em qualquer estação.

2. Monte um checklist de itens que não podem faltar na mala

Organizar a mala é algo trabalhoso e que sempre gera dúvida entre os viajantes. Por mais que tenhamos separado tudo que pensamos ser essencial, sempre ficamos com receio de ter esquecido algo importante.

Para evitar transtornos e garantir que você leve o que for necessário, o ideal é que tenha mãos um checklist de viagem.

Ao montá-lo não deixe de levar em consideração fatores como o clima, passeios e suas necessidades. Ainda assim não faz ideia do que levar? Confira abaixo a nossa lista com o que não pode ser esquecido:

  • documentos;
  • remédios;
  • roupas adequadas para a estação;
  • calçados confortáveis;
  • protetor solar;
  • travesseiro de viagem;
  • brinquedos para as crianças;
  • guarda-chuva ou capa;
  • óculos de sol.

3. Atenção aos cuidados com as crianças

Um dos principais cuidados que se deve ter ao montar um roteiro de viagem é pensar nas crianças. Por isso, você deve escolher um hotel que atenda suas necessidades, seja com atividades específicas, monitores, playgrounds etc.

Além disso, também é preciso pensar em pontos turísticos atraentes, como bons parques, passeios durante o dia ou que não sejam exaustivos.

Dentro deste contexto, o Parque Zoológico Municipal de Bauru é uma excelente opção. No local, os visitantes podem observar cerca de 880 animais de 227 espécies diferentes, dentre répteis, aves e mamíferos. As crianças adoram!

4. Selecione os melhores restaurantes e lanchonetes

Experimentar a culinária local é uma das melhores partes de uma viagem, pois, além de descobrir novos sabores, pode-se conhecer diversos outros elementos, como a história e cultura da região.

Por isso, selecionamos os mais famosos restaurantes de Bauru que você precisa conhecer. Acompanhe!

Empório São Lourenço

O Empório São Lourenço oferece aos seus clientes uma grande oferta de produtos artesanais, como compotas, geleias e grãos de café selecionados.

O diferencial do restaurante fica por conta de suas carnes nobres, sendo a bisteca suína com purê de batatas o prato mais pedido da casa.

Com uma boa carta de cervejas nacionais e importadas, o empório é um ótimo local para curtir a noite após um dia de passeios.

Skinão

Se você quer experimentar o autêntico sanduíche de Bauru não pode deixar de conhecer o Skinão. Por lei, apenas ela e a Lanchonete do Aeroporto estão autorizadas a vender o lanche com a sua receita original.

Além de oferecer o prato típico da cidade, a lanchonete também serve porções, hambúrgueres e almoço à la carte.

5. Escolha um bom hotel

Escolher um hotel confortável e bem localizado é determinante para que sua estadia seja a mais agradável possível. Pensando nisso, selecionamos alguns dos hotéis com o melhor custo-benefício. Confira!

Blue Tree Towers Bauru

Localizado a 1 km do Shopping Center Bauru, o hotel Blue Tree Towers dispõe de piscina, academia, estacionamento privativo e restaurante no local.

Devido a sua localização privilegiada é possível visitar alguns pontos turísticos em poucos minutos, tais como a Praça da Paz, Zoológico e o Jardim Botânico.

Comfort Hotel Bauru

Também próximo ao Shopping Bauru, o Comfort Hotel dispõe de um bar em suas instalações. Portanto, é uma excelente escolha para os que desejam curtir a noite sem sair do hotel.

Além disso, a acomodação dispõe de piscina, academia, estacionamento privativo e estabelecimentos comerciais a poucos metros de distância.

6. Planeje os meios de transporte

Com a passagem para Bauru comprada é hora de decidir como você vai se locomover na cidade.

Para isso, é preciso analisar a distância entre o seu hotel e os pontos turísticos, bem como o quanto pretende gastar.

O transporte público de Bauru conta com ônibus que circulam pelos principais bairros, além de ter horários especiais para o Aeroporto Estadual de Bauru-Arealva.

Caso deseje passear com mais conforto e flexibilidade, você deve considerar o aluguel de um carro. Desse modo, você pode fazer seus próprios horários e aproveitar melhor a cidade.

7. Defina roteiros de passeio por Bauru

Além do turismo de negócios e jovens atraídos pelas universidades, Bauru também é um importante centro cultural da região.

São diversos pontos turísticos e espaços de lazer que agradam aos mais diferentes perfis de visitantes.

Em meio a tantas opções, é fundamental montar um roteiro para não correr o risco de perder algo que queira muito conhecer. Não sabe ainda o que visitar? Confira abaixo nossa lista com os principais pontos turísticos:

Jardim Botânico

Com cerca de 320 hectares, o Jardim Botânico Municipal de Bauru conserva mais 200 hectares de cerrado, sendo hoje uma das maiores áreas de preservação dessa vegetação.

O local oferece atividades de preservação ecológica, pesquisas científicas e educação ambiental.

As famílias que visitam o espaço podem ainda aproveitar uma enorme área de lazer onde é possível caminhar ou fazer piqueniques.

Museu Ferroviário

Aberto ao público — de forma gratuita — desde 26 de agosto de 1989, o Museu Ferroviário de Bauru conta com um acervo repleto de fotografias, documentos, mobiliários e peças referentes ao universo ferroviário.

Desse modo, esta é uma atração obrigatória para os que desejam conhecer mais sobre as ferrovias que fazem parte da história do município.

Sua programação inclui shows, oficinas e apresentações teatrais que tornam a visita ainda mais interessante.

Praça da Paz

A Praça da Paz é, sem dúvida, o ponto mais visitado de Bauru. De fácil acesso, ela conta com chafariz, artesãos e muitas opções de comida, incluindo o famoso churros da região.

O espaço também dispõe de alguns brinquedos que são montados no final de semana e um trenzinho que percorre Bauru.

Apesar de ficar aberta para visitação o dia todo, somente no final da tarde é que os comerciantes abrem seus food trucks.

8. Separe um momento para visitar o centro comercial

Quem está de passagem por Bauru não pode deixar de visitar a famosa Rua Batista de Carvalho. O motivo? Ela abriga um dos mais importantes polos comerciais do centro-oeste paulista!

Após a sua transformação em calçadão comercial na década de 1990, a passagem de veículos foi proibida para facilitar o fluxo de consumidores.

Atualmente, o lugar conta com cerca de 140 estabelecimentos que vendem roupas, calçados, acessórios, dentre outros produtos. Um verdadeiro shopping a céu aberto! Perfeito para realizar aquelas comprinhas, não é mesmo?

9. Conheça as curiosidades da cidade

Você sabia que Bauru é o 18º município mais populoso do Estado de São Paulo? Além disso, boa parte dos seus mais de 340 mil habitantes vivem em áreas urbanas, restando apenas 10% em áreas rurais.

Localizada a 537 metros de altitude, a cidade é um dos principais polos econômicos da região.

Isso se deve ao seu passado como produtora de café e por ter sido escolhida como ponto de partida da ferrovia Noroeste do Brasil, fatores importantíssimos para a sua expansão comercial.

E o orgulho que os bauruenses sentem em relação as suas ferrovias não passa despercebido pelos turistas, uma vez que pode ser observado em seus museus e até mesmo na bandeira, cuja as estrelas representam 3 linhas férreas que fizeram parte da história da cidade.

Mas se engana quem pensa que Bauru tem apenas trens e sanduíche! O município também é cidade universitária que abriga polos das principais universidades do país, como a USP e UNESP.

10. Experimente pratos tradicionais

É difícil conhecer uma pessoa que nunca tenha ouvido falar do sanduíche de Bauru. A sua história começou com o estudante — e bauruense — Casimiro Pinto que pedia sempre o mesmo lanche na capital paulistana.

Pão francês, rosbife, picles, tomate, queijo suíço, prato e estepe faziam parte do pedido. Com o tempo, os comerciantes passaram a apelidar a iguaria de Bauru, em homenagem ao seu maior consumidor.

Para sobremesa, aposte nos famosos churros encontrados na Praça da Paz. Com a massa sequinha e recheios diferentes — como requeijão e abóbora — o doce faz muito sucesso entre os turistas. Imperdível!

E agora que você já sabe o que fazer nessa cidade, está na hora de comprar a sua passagem para Bauru!