A ilha de Saint Martin fica no nordeste do Mar do Caribe, a 240 km de Porto Rico. Com apenas 96 km² de extensão, a ilha é ocupada por dois países: St. Martin (França) e St Maarten (Holanda).

Esse é o menor território contínuo governado, ao mesmo tempo, por dois países! Mas além deste fato curioso, a ilha tem praias paradisíacas e muitos atrativos para quem gosta de tranquilidade e de ter a natureza por perto.

Neste texto, você vai conhecer todas as atrações deste destino paradisíaco. Acompanhe!

Curiosidades

A primeira informação que você precisa saber sobre esse lugar é a diferença entre os dois países. Apesar de terem nomes parecidos, são totalmente diferentes, desde a pronúncia até à moeda e o idioma.

Ir para o Caribe é uma oportunidade de conhecer dois países em uma mesma viagem, pois a fronteira é delimitada por uma placa na calçada e é possível transitar livremente entre os dois países.

Ao chegar no destino, você precisa pronunciar corretamente o nome do lugar para não confundir-se e acabar indo para o outro país.

Saint Martin, que faz parte do lado francês, pronuncia-se Sãn Marrtãn, e Sint Maarten, lado holandês, se diz Sint Mártin. Na ilha, os países também são identificados como French Side e Dutch Side. A cultura e a forma de governo também são bem distintas.

St. Martin faz parte da República Francesa, é uma das coletividades de ultramar da França — collectivité d’outre-mer française. O idioma oficial é o francês, mas o inglês também está presente.

Da mesma forma, a moeda utilizada é o Euro, mas o dólar americano também é aceito em alguns estabelecimentos. A capital Marigot é caracterizada pelo e charme e grande quantidade de bistrôs, patisseries e cafés. A beleza de St. Martin faz o visitante sentir-se na própria Riviera Francesa.

Quando ir

Com tantas belezas e riquezas naturais, St. Martin proporciona uma experiência única e inesquecível aos turistas. Mas é muito importante programar a viagem para aproveitar o máximo do lugar.

Consulte as condições climáticas e verifique se há previsão de alguma intempérie como a “temporada dos furacões”, comum no Caribe que acontece de julho a novembro. Por isso, tente programar a viagem entre os meses de dezembro e maio.

Clima

O calor predomina durante todo o ano, mas a alta temporada vai de dezembro a abril, período que chove menos e existem vários eventos na ilha.

Se você deseja uma época mais tranquila, para fazer os passeios com calma, marque a viagem para maio. Durante este mês, os ambientes ficam mais vazios.

Pendências

Os cidadãos brasileiros não precisam de visto para entrar em St. Martin, assim como em St. Maarten.

A única documentação exigida é um passaporte válido e o certificado internacional de vacina contra a febre amarela. Se você não tem algum dos dois, providencie o quanto antes, pois essa pendência pode alterar a data da viagem.

Como chegar

A principal forma de chegar na ilha é por meio de uma viagem de avião. Para isso, você precisa embarcar com destino ao aeroporto Princess Juliana (SXM), localizado em St. Maarten — lado holandês (Dutch Side).

Esse aeroporto é conhecido por ter a pista de pouso mais impressionante do mundo: os aviões passam por cima da Praia Maho a uma distância de 10 metros dos banhistas!

De lá você pode alugar um carro, pagar um táxi ou um traslado para chegar em Saint Martin.

Partindo do Brasil, é possível chegar ao destino de três formas:

  • American Airlines — Faz conexão em Miami, portanto, é necessário apresentar o passaporte e o visto americano — mesmo que você não precise sair do aeroporto;
  • United Airlines — Também tem conexão em Miami e exige o visto americano;
  • Copa Airlines — Faz conexão na Cidade do Panamá — é possível conseguir um stopover.

Onde comer

A ilha é dividida em 5 regiões. Veja opções de restaurantes para cada uma delas e não deixe de experimentar as comidas típicas: acras (bolinhos de bacalhau com ervas), johnny cakes (pães fritos), jacks (arroz apimentado recheado de frango e vegetais), locri, frutos do mar e drinks com rum.

Grand Case

  • Calmos Café;
  • Le pressoir;
  • Le Shambala;
  • Lolos.

Hope Estate

  • Bacchus.

Baie Longue

  • Trellis & La Cave (Belmond La Samanna Hotel).

Orient Bay

  • Waikiki Beach;
  • La Table d’Antoine.

Pinel Island

  • Karibuni.

Onde ficar

Ao pesquisar pela hospedagem, você precisa avaliar o tipo de viagem e os serviços que deseja.

Por exemplo, se você gosta de conforto, opte pelo Belmond La Samanna (5 estrelas). Ele é bastante procurado por casais em lua de mel. Mas se deseja lugares mais charmosos e compactos, escolha entre o Le Shambala e o Karibuni Lodge, ambos são confortáveis e com uma vista espetacular.

Praias

Orient Beach (Baie Orientale)

Esse é o point da ilha, uma praia grande, bastante movimentada, com águas verdes e uma ótima infraestrutura para os turistas: espaço amplo para estacionamento, bares e restaurantes à beira-mar e atividades recreativas na água (pula-pula) e banana boat.

A sinalização ajuda na chegada e as opções de entretenimento convidam para passar o dia na praia. Uma verdadeira Miami Beach style!

Orient Beach é dividida em duas áreas: a convencional, com toda a infraestrutura já mencionada, e a outra dedicada ao naturismo, que fica no extremo sul da praia.

Não é necessário ficar sem roupa, mas alguns turistas procuram o lugar exatamente para praticar o naturismo. Entretanto, nas duas regiões as mulheres costumam praticar topless.

Anse Marcel

Uma praia de águas calmas e areia fina. Para quem gosta de tomar sol ou tomar um banho de mar sossegado, esse é o lugar.

Por estar localizada entre dois morros, a praia também tem um lindo visual. Tudo isso atrai vários turistas, desde os que estão hospedados ao redor da praia até os que estão em outras regiões.

Aux Prunes

Apesar de não estar entre as praias mais famosas de St. Martin, vale a pena conhecê-la, principalmente se você estiver no caminho para Baie Longue (Long Bay).

O local não apresenta boa infraestrutura, pois está em uma área residencial e não há comércio perto. A praia é tranquila, com águas refrescantes, mas é preciso ficar atento ao trecho que contém pedras.

Baie de Grand Case

Se você viaja em família, vai gostar de conhecer Grand Case. O mar parece uma piscina, ótimo para divertir-se com as crianças.

E o passeio vale o dia todo, pois há diversos restaurantes, lojas e quiosques à disposição dos turistas. Um ambiente familiar para a diversão de todos!

Baie Nettle

Uma praia que não é tão conhecida e proporciona um passeio mais tranquilo e sossegado. O mar clarinho e as ondas fracas encantam os olhos de qualquer visitante.

E você ainda pode aproveitar para fazer refeições nos bares e restaurantes à beira da praia.

Tintamarre

Outro cenário espetacular: uma ilha deserta de mar azul-turquesa e uma rica vida marinha. Lugar perfeito para relaxar e fazer mergulho com snorkel.

Além disso, falésias alaranjadas cercam a paisagem, tornando-a ainda mais exótica. O território faz parte da Reserva Nacional Francesa.

Creole Rock

Apesar de muitos pensarem que é uma ilha, trata-se de uma rocha o meio do mar. Ao seu redor existem muitos peixes, corais e outras espécies marinhas.

Você pode conhecer a região em um passeio de barco ao redor da rocha. Esse mesmo passeio passa por outras praias, como Pinel Island e Tintamarre.

Passeios e pontos turísticos de Saint Martin

Com apenas 87 km de extensão, é fácil conhecer as 37 praias da ilha. Para ter uma noção do tamanho, com um carro é possível dar uma volta completa na ilha em apenas 2 horas e meia.

E para dirigir não é necessário ter habilitação internacional, basta apresentar a carteira de habilitação (CNH). O aluguel de veículos pode ser feito durante a chegada, no próprio aeroporto. Mas também existem lugares próximos que valem a visita.

Pinel Island (Ilet Pinel)

Essa é uma pequena ilha que fica perto de St. Martin. Ela é pouco explorada, tem um visual rústico e um mar perfeito para a prática de mergulho com snorkel. Para chegar lá, é preciso ir até French Cul-de-Sac e pegar um ferry — eles partem a cada 30 minutos no período de 10h às 16h e são apenas 10 minutos de viagem. Se tiver tempo e disposição, insira Anguilla e t. Barth no passeio. Para as refeições, visite o restaurante Karibuni.

David’s Hole

Essa é uma das paisagens mais interessantes da ilha: um buraco formado no teto de uma antiga caverna ligada ao mar.

O acesso se dá pela praia de Baie Rouge e é pouco frequentado por turistas. Ou seja, você vai poder curtir a paisagem com calma e tranquilidade.

Baie Longue (Long Beach) – La Samanna

Localizada dentro de um condomínio gigante do lado francês da ilha, Baie Longue tem um visual impressionante: água cristalinas e um paredão que convida à aventura. Os nativos e alguns visitantes costumam pular lá de cima.

Para subir, você pode usar uma corda que auxilia a subir nas pedras. O restaurante próximo mais renomado fica no Hotel Belmond La Samanna — um dos melhores da ilha (único com 5 estrelas).

Maho Beach

Esse é o principal motivo pelo qual os turistas querem conhecer St. Martin e St. Maarten: a praia mais famosa da ilha abriga o aeroporto, de onde é possível ver de perto os aviões pousando e decolando.

A distância dos aviões para a praia é de apenas 10 metros, por isso o barulho e o vento são intensos. Eles passam praticamente raspando na areia e você pode assistir tudo de camarote!

Existem corajosos que gostam de ficar perto, mas recomenda-se manter distância para evitar acidentes. No principal bar da região há uma prancha com os horários de chegada dos vôos para quem deseja acompanhar. Além disso, esse é um ótimo passeio para curtir o dia e o final de tarde.

Sentier des Froussards

Que tal uma trilha que passa por três lindas praias? Então você precisa conhecer Sentier des Froussards.

O percurso completo dura 2h30 de caminhada e inclui a praia de Anse Marcel, Grandes Cayes e Petites Cayes. Mas se quiser fazer o trajeto mais curto, basta escolher o percurso de Anse Marcel a Petites Cayes, que dura apenas 1 hora.

No caminho, você encontra várias espécies de plantas (muitos tipos de cactos) e a paisagem das praias torna o passeio ainda mais agradável!

Vida noturna

A noite em Saint Martin St. Maarten tem diversas atrações, entre restaurantes, bares e baladas, para todos os gostos. O Bar 3 amigos é ótimo para pessoas que viajam em grupo. O local oferece várias promoções diferentes e funciona como um esquenta para quem deseja curtir as festas da região. O Bar 3 amigos fica perto de Maho Beach, em frente ao Casino.

Para continuar a noite, visite a Tantra Nightclub. A casa é bastante popular na ilha e cada dia da semana tem um tema diferente: pop, hip hop, black music e muitos outros. É ideal para quem gosta de dançar e fazer amizades. A diversão é garantida com muita música e bebida.

Outro point da noite de Saint Martin é o Sunsetbar, caracterizado pela cultura caribenha de muita animação.

Os turistas costumam se reunir nesse bar para apreciar a cerveja local enquanto assistem o pôr do sol e os aviões aterrisando. Outra atração do lugar é uma promoção inusitada: quem faz topless recebe um drink gratuito.

Outra balada bastante conhecida acontece no Waikiki, na Baie Orientale. Ele funciona durante todo o dia e é bastante eclético: recebe famílias pela manhã e tarde e à noite é a vez dos jovens e casais que gastam suas energias com muita música e bebidas.

A ilha de Saint Martin realmente tem muito a oferecer: natureza, vida marinha, calor, gastronomia local, trilhas, culturas diferentes e muita emoção desde a chegada no aeroporto (na beira da praia).

É um lugar ótimo para passar as férias, passar a lua de mel e até viajar em família. Afinal, o Caribe nunca é demais! Águas cristalinas, temperatura agradável e atrações urbanas esperam por você.

Gostou de conhecer um pouco da França fora do continente europeu? Então, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais e mostre a beleza de uma das mais badaladas ilhas caribenhas.