O Rio de Janeiro é uma das cidades mais turísticas do mundo. Tem tanta beleza que já foi cenário de filmes, novelas, versos de canções e inspiração de grandes poetas. Recebe visitantes durante todo o ano e está aguardando a sua chegada. Isso mesmo, a cidade maravilhosa tem inúmeras atrações para você relaxar e viver novas experiências. Quer saber como? Então confira este texto com 13 lugares para visitar no Rio!

Em um único dia, é possível fazer passeios de norte a sul, apreciando a bela paisagem carioca e desfrutando da sua riqueza cultural. Por isso, criamos esse roteiro com sugestões para cada momento do dia, da manhã e até a noite.

O que fazer pela manhã?

Veja!

1. Bondinho de Santa Teresa

Que tal conhecer a cidade por um novo ângulo? O bondinho de Santa Teresa liga o bairro de mesmo nome ao centro com um grande diferencial: passa sobre os arcos da Lapa. Além do passeio em si, você também volta ao passado experimentando um transporte que foi muito comum no Brasil no século XIX.

O embarque acontece na Rua Lélio Gama, no centro, perto da estação de metrô Carioca. As saídas acontecem a cada 30 minutos e o custo do passeio é de R$20,00, pago na ida e com volta inclusa. É uma boa diversão para jovens e famílias. E para complementar o passeio, você pode caminhar até a Escadaria Selarón e conferir o incrível trabalho com azulejos em homenagem ao povo brasileiro, do artista chileno Jorge Selarón.

2. Parque Lage

Se você gosta de história, beleza, cultura e natureza, precisa visitar o Parque Lage. Foi um engenho de açúcar na época do Brasil Colonial e depois passou a ser propriedade do empresário Henrique Lage, que casou-se com a cantora lírica italiana Gabriela Besanzoni. Para agradá-la, ele construiu uma réplica perfeita de um palácio romano. Mas além da arquitetura peculiar, o lugar encanta pelo paisagismo: são 52 hectares de floresta nativa de Mata Atlântica.

Os jardins foram criados em forma geométrica e fazem parte do Parque Nacional da Tijuca. De lá, tem-se uma vista privilegiada do Cristo Redentor. Mas o espaço também reúne a Escola de Artes Visuais, programas culturais e artísticos, além do Bistrô Plage, localizado no pátio da mansão, com opções para café, almoço e jantar.

Devido a sua história romântica, o parque é muito procurado por casais. Mas também tem estrutura voltada para o público infantil, com brinquedos e grande área ao ar livre. As palmeiras imperiais, lagos, cavernas e aquários são grandes atrativos para as famílias durante os finais de semana. Que tal realizar um piquenique com toda a família?

3. Jardim Botânico

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro fica perto do Parque Lage e é um dos pontos mais visitados da cidade. É ideal para ficar mais perto da natureza e aprender sobre as histórias das espécies. Com uma área de 540 mil metros quadrados, o jardim reúne mais de 3,4 mil espécies de plantas, vindas do mundo todo. O cartão-postal é a palmeira imperial, que pode ter altura equivalente a um prédio de 15 andares.

Os 200 anos de história do Jardim Botânico atrai crianças, famílias, jovens e casais. Além da riqueza natural, o lugar oferece uma vista privilegiada para o Cristo Redentor. É patrimônio nacional pelo Iphan e reserva da biosfera da Mata Atlântica pela Unesco.

As visitas acontecem de terça a domingo, entre 8:00 e 17:00 e nas segundas-feiras, de 12:00 às 17:00. A entrada custa R$15,00 para o público geral e é gratuita para menores de 5 anos. Maiores de 60 anos e estudantes pagam meia entrada. Para ter uma passeio mais tranquilo, use roupas leves, tênis confortáveis e leve água e repelente.

4. Quinta da Boa Vista

Para quem gosta de parques, não pode deixar de conhecer a Quinta da Boa Vista. Lá você vai encontrar uma extensa área verde, com jardins e lagos, além do Museu Nacional e o do Jardim Zoológico. O lugar também é muito procurado para a prática de esportes e piqueniques.

Entre as atrações estão as quadras poliesportivas, o pedalinho no lago principal e o passeio pelas grutas artificiais. Um dos maiores destaques é o portão monumental do casal Dom Pedro I e Dona Leopoldina.

O parque funciona diariamente, das 9:00 às 17:00 e tem entrada gratuita. Ele está localizado próximo às estações de trem e do metrô de São Cristóvão.

5. Biblioteca Nacional

Como o próprio nome diz, é um patrimônio bibliográfico e documental brasileiro. Foi fundada por D. João VI em 1810, após sua chegada ao Brasil, junto com a Corte e a Família Real Portuguesa. A instituição chama atenção pelo acervo e pela arquitetura, um marco da arquitetura eclética e neoclássica. Está localizada no Centro do Rio de Janeiro, onde a caminhada é uma verdadeira aula de história. Vale a visita!

6. Museu de Arte Moderna

Outro lugar que respira cultura é o Museu de Arte Moderna, localizado no Parque do Flamengo. Seu acervo contém mais de 15 mil obras, entre esculturas e pinturas, de artistas consagrados e reconhecidos internacionalmente. Sem dúvidas, é uma das instituições culturais mais importantes do Brasil.

Do lado de fora, ele já encanta: sua construção foi um marco da arquitetura, assinada pelo arquiteto carioca Affonso Eduardo Reidy. O paisagismo de Roberto Burle Marx complementa o visual, formando uma grande atração turística. Está bem próximo do Aeroporto de Santos Dumont, ideal para a visitação de quem vai passar um tempo na cidade aguardando o seu voo ou de quem deseja iniciar a viagem logo após o desembarque.

E o que fazer à tarde?

Acompanhe!

7. Corcovado

Esse é um passeio imperdível para quem visita o Rio de Janeiro. A estátua art déco de Jesus Cristo é uma das sete maravilhas do mundo moderno e Patrimônio da Humanidade. Com 38 metros de altura e a 709 metros acima do nível do mar, o monumento oferece uma vista privilegiada da cidade. O acesso é feito de trem, van ou carro.

A atração turística fica no bairro Santa Teresa, funciona de 8:00 às 18:00 e o valor da entrada depende do meio de transporte e do período escolhido (baixa ou alta estação). Para aproveitar melhor a visita, verifique a previsão do tempo antes de comprar o ingresso. Assim, você pode escolher o melhor período para visitação. O tempo aberto rende uma boa vista e boas fotos.

8. Pão de Açúcar

O cartão-postal do Rio de Janeiro já chama atenção de longe, mas de perto oferece uma vista deslumbrante da cidade. O passeio contempla os dois morros, a enseada de Botafogo, a orla de Copacabana e a Baía de Guanabara. De dia ou no final de tarde, a paisagem impressiona os visitantes.

Para conhecer a atração, é preciso ir até a Praia Vermelha para pegar o primeiro bonde, com destino ao morro da Urca. De lá, os visitantes pegam o segundo bonde que os levam até o topo do morro do Pão de Açúcar, a 396 metros acima do nível do mar. O pôr do sol visto do alto encanta os moradores e turistas do Rio.

O Bondinho do Pão de Açúcar foi o primeiro teleférico do Brasil e o terceiro do mundo, inaugurado em 1912. O lugar também possui um anfiteatro usado para shows e eventos noturnos. Além do bondinho em si, há outras opções turísticas. Os detalhes, horário de funcionamento e valores podem ser consultados no site oficial.

9. Arpoador

A cidade do Rio de Janeiro possui muitas belezas naturais e o Arpoador é exemplo disso. A pedra e praia do Arpoador estão entre o Forte de Copacabana e a Praia de Ipanema. A mistura da formação rochosa com a beleza da praia e do mar contornando a área exalta a beleza do lugar. São 800 quilômetros de extensão, com uma vista privilegiada da cidade.

O Arpoador é um dos melhores lugares para passar um fim de tarde e apreciar o pôr do sol. Caminhar pelas pedras é uma ótima atração. Todo o esforço é recompensada com a bela paisagem carioca. Depois do passeio, que tal um passeio de bicicleta pela orla de Copacabana, Ipanema e Leblon?

10. Mirante Dona Marta

Outro lugar que oferece uma vista panorâmica do Rio de Janeiro é o Mirante Dona Marta. Não é à toa que esse é um dos pontos turísticos mais visitados da cidade. O mirante tem 360 metros de altitude. De lá, é possível avistar outras atrações turísticas, como o Cristo Redentor, o Maracanã, a Baía de Guanabara, o Pão de Açúcar, o Aterro do Flamengo, a Praia de Botafogo e a Lagoa Rodrigo de Freitas. O passeio é gratuito e acessível via carro ou trilha.

O mirante Dona Marta fica entre os bairros Botafogo, Flamengo, Laranjeiras, Cosme Velho e Silvestre. Escolha um dia com tempo aberto para apreciar a vista da melhor forma e garantir boas fotos.

E, finalmente, à noite?

Descubra!

11. Teatro Municipal

O prédio do Teatro Municipal é um dos mais bonitos e imponentes do Rio de Janeiro. Ele foi inaugurado em 1909 e a sua arquitetura é de impressionar, tanto de dia quanto à noite. De dia, é possível fazer uma visita guiada e à noite apreciar os espetáculos. Localizado na Cinelândia, no Centro do Rio de Janeiro, o Teatro é um passeio imperdível.

Para manter a sua beleza e ganhar mais modernidade, o Teatro já passou por várias reformas. Um de seus destaques é a imponente águia no topo da construção. Ela tem 350 quilos, com 8 mil folhas de ouro 23 quilates de douramento. Uma verdadeira obra de arte!

Além de sua estrutura impressionante, o lugar recebe grandes artistas nacionais e internacionais. O corpo artístico próprio também é destaque: um coro, uma orquestra sinfônica e uma companhia de ballet.

Durante a sua visita no Rio de Janeiro, consulte a programação do Teatro e escolha um espetáculo para assistir. Você não vai se arrepender!

12. Lapa

Ao contrário do que muitos pensam, Lapa não é um bairro e sim um nome que representa a principal região boêmia da cidade. Localizada no Centro, a Lapa não pode faltar no seu roteiro. É lá onde estão os casarões históricos, bares e rodas de samba que fazem parte da história do Rio de Janeiro.

O lugar recebe visitantes do mundo todo, durante todo o ano, um verdadeiro mosaico cultural. Lá você encontra jovens, adultos e até idosos. Afinal, não existe idade para se divertir! As mesinhas nas calçadas convidam para uma noite de muita música, bebida e bons papos. Mas além do tradicional, você pode conferir outras atrações da região:

  • Circo Voador;
  • Fundição Progresso;
  • Teatro Odisséia;
  • Sinuca da Lapa;
  • Samba em frente aos arcos da lapa.

Entre os bares, há opções para todos os gostos. Os que se destacam são: Lapa 40 graus, Bar da Cachaça, Lapa Irish Pub, Rio Scenarium e Bar Semente. O bom é que você pode conhecer todos esses lugares a pé. É muito comum começar a noite em um bar e terminar em outro, depois de ter visitado mais alguns.

Como a noite carioca é muito movimentada, os estabelecimentos funcionam até tarde, assim como o transporte público e táxis. Então, você pode aproveitar a noite sem preocupar-se com a volta. Lembre-se: bebida e direção não combinam. Divirta-se com responsabilidade e aproveite o melhor da Lapa.

13. Shows e apresentações

Além de todas as atrações fixas, o Rio também recebe muitos artistas em suas casas de shows e teatros. Verifique a programação cultural da cidade durante a sua viagem e aproveite para assistir a uma peça ou ver a apresentação de algum artista que esteja se apresentando na cidade. Certamente você vai encontrar um ator, cantor ou banda que gosta.

Essas são só algumas opções de lugares para visitar no Rio de Janeiro em uma viagem curta. Mas para aproveitar melhor a cidade, o ideal é passar entre 4 dias a uma semana. Que tal organizar uma visita mais longa ao Rio? Conheça o litoral de norte a sul, viva a cultura de forma mais intensa e visite outros pontos turísticos! Mesmo cumprindo esse roteiro, você ainda vai desejar voltar mais vezes, porque como diz a canção, o Rio de Janeiro continua lindo!

Gostou da nossa lista? Então compartilhe este texto nas suas redes sociais. Quem sabe você incentiva outras pessoas a visitarem a cidade maravilhosa com você!