Viajar a dois é sempre uma boa forma de fugir da rotina agitada do dia a dia. Ainda mais se o destino for um lugar bem romântico. Se é isso que você está procurando para surpreender seu parceiro e poder curtir alguns dias a sós, uma visita a Gramado, no Rio Grande do Sul, é uma ótima escolha.

A cidade, repleta de natureza, marcada pelos traços da arquitetura europeia e com um povo acolhedor é um verdadeiro charme. Além disso,

Para você conhecer melhor esse destino da Serra Gaúcha e poder planejar um passeio, preparamos este post sobre o que fazer em Gramado. Continue a leitura e confira as atrações imperdíveis na cidade!

Aproveite uma noite na Rua Coberta

A rua que originalmente recebeu o nome de Madre Verônica é mais conhecida como Rua Coberta, porque o espaço possui uma cobertura de vidro. Além disso, é decorado com várias plantas trepadeiras.

Localizada no centro de Gramado, bem no coração da cidade, a Rua Coberta é repleta de lojas, restaurantes, cafeterias e bistrôs. O que não faltam são opções para tomar um chocolate quente e para fazer uma boa refeição.

A Rua Coberta pode ser visitada a qualquer hora do dia. Mas a nossa sugestão é que você não deixe de dar uma passada lá também à noite, quando o movimento no local é maior. Aproveite para tomar um caldo e um bom vinho ou participar de algum dos vários eventos que são realizados por lá.

A Rua Coberta liga a Avenida Borges à Rua Garibaldi e dá acesso a outros atrativos importantes de Gramado, como o Palácio dos Festivais, onde ocorre o Festival de Cinema de Gramado, a Igreja Matriz de São Pedro e a Praça Major Nicoletti.

Divirta-se passeando de pedalinho no Lago Negro

Essa é uma parada obrigatória em Gramado. Cercado por pinheiros e hortênsias, flor bastante popular na cidade, o lago artificial de águas verdes é um belo cenário para um passeio a dois.

Além de contemplar a beleza do lugar, a principal atração do local são os pedalinhos em forma de cisne. Você pode alugar um para dar uma volta no lago com o seu amor. Um programa simples, mas bem romântico e também divertido.

Ao redor das águas há ainda uma pista, onde você e o seu companheiro podem fazer uma caminhada de mãos dadas. O Lago Negro fica aberto 24 horas por dia. Já os pedalinhos funcionam das 8h30 às 19h.

Embarque na fantasia do Mini Mundo

Uma cidade inteira em miniatura. É isso que você vai encontrar no Mini Mundo em Gramado. O parque ao ar livre é formado por réplicas fiéis de prédios, castelos, palácios, igrejas, ferrovias, entre outras construções de várias partes do mundo. Tudo feito com muita perfeição, nos mínimos detalhes.

Entre as réplicas estão a Usina do Gasômetro, de Porto Alegre, o Castelo Neuschwanstein, da Alemanha, o Museu Paulista, de São Paulo, e o Aeroporto de Bariloche, na Argentina. Os miniespaços ainda são “habitados” por uma população de 2.500 bonequinhos.

O Mini Mundo é um lugar mágico que encanta não só as crianças, mas também os adultos. Por isso, vale a pena programar uma visita. O parque funciona diariamente das 9h às 17h e a entrada custa R$ 36 a inteira.

Curta um dia gelado no Snowland

Você e seu parceiro gostam de frio e têm a curiosidade de conhecer e viver uma experiência na neve? Então pode incluir o Snowland no seu roteiro em Gramado.

O complexo, inaugurado em 2013, é o primeiro parque de neve indoor das Américas. Possui mais de 16 mil metros quadrados que são divididos em três grandes ambientes:

  • Vilarejo Alpino, que recria o clima dos Alpes Suíços, tem pista de patinação, simulador 7D e uma galeria com lojas e opções de gastronomia;
  • Montanha de Neve, a única do Brasil. Você pode deslizar por ela em uma boia gigante, aprender a praticar esqui e/ou snowboard na escola de neve e espantar o frio no Hot Café;
  • Mirante Bela Vista, que oferece uma vista privilegiada da Montanha de Neve. Tem cinema 7D, espaços para crianças, jogos e praça de alimentação.

Essas são algumas das atividades oferecidas pelo parque Snowland. Um dos aspectos mais interessantes dessa atração é que mesmo a neve sendo produzida artificialmente, ela é de verdade.

O parque dispõe de equipamentos supermodernos capazes de recriar as condições para a formação dos flocos de gelo, que mantêm a temperatura no complexo entre -2ºC e -2,5ºC. Um programa gelado, mas que gera um clima gostoso também para os casais.

“Encontre com celebridades” no Dreamland

Charles Chaplin, Elton John, Elvis Presley, Mike Tyson, Rainha Elizabeth, Robin Williams, etc. Esses são alguns dos nomes de figuras históricas, ícones do cinema e da cultura pop da América Latina que são apresentados nesse museu em bonecos de cera.

São dezenas de personagens distribuídos em diversos cenários temáticos diferentes. O Dreamland é o primeiro museu de cera da América Latina. O espaço cultural conta ainda com uma mistura de museu e pub da Harley Davidson, onde são exibidos modelos da famosa marca.

Adoce seu passeio no Reino do Chocolate

Gramado definitivamente não combina com dieta. Não dá para passar pela cidade e não se deliciar com a culinária dos restaurantes e as delícias dos cafés coloniais e das várias fábricas de chocolate.

Uma delas, a Caracol, tem uma atração a mais: o Reino do Chocolate. Trata-se de um espaço temático que leva o visitante por uma viagem no tempo sobre a história do chocolate. A trajetória começa pelo cultivo do cacau pelos astecas e vai até o doce como consumimos hoje em dia.

O passeio termina na loja da fábrica para que os turistas possam adoçar a viagem com os deliciosos chocolates. O Reino do Chocolate funciona de domingo a sexta-feira, sempre das 8h30 às 18h30, e aos sábados e feriados fica aberto até as 19h30.

Admire a beleza das igrejas locais

Outros dois pontos turísticos bastante tradicionais que merecem entrar em um roteiro por Gramado são a Igreja Matriz São Pedro e a Igreja do Relógio.

Igreja Matriz São Pedro

A matriz, localizada na avenida Borges de Medeiros, no centro da cidade, foi construída no início do século 20, em 1917. Essa igreja chama muito a atenção porque a maior parte da sua estrutura foi feita com mais de 70 mil pedras basalto.

Além disso, ela também tem vários vitrais, projetados pelo pintor alemão Max Dommeyer, e uma torre de 44 metros de altura.

Para deixar o passeio com um toque mais romântico, bem do lado da igreja está a Fonte do Amor Eterno. É lá que os casais apaixonados que passam por Gramado colocam um cadeado com os nomes de cada um.

O objeto se torna um símbolo do amor dos dois. O entorno da construção também tem esculturas de apóstolos e um relógio com termômetro.

Igreja do Relógio

No alto de um morro, que oferece uma das vistas mais bonitas de Gramado, está uma linda igreja. A construção luterana possui o nome de Igreja do Relógio porque possui uma torre com um relógio que é avistado de grande parte da cidade.

Para completar a beleza do cenário, ela ainda está cercada de hortênsias cheias de cor. Um cartão-postal!

Conheça um pouco da cultura da cidade na Praça das Etnias

Também no centro da cidade, a Praça das Etnias vale uma parada. Ela é um símbolo das culturas dos diversos povos que participaram da colonização de Gramado.

Você pode aproveitar o passeio na praça para fazer compras: o local tem comerciantes de artesanato. O destaque é a Casa do Colono que vende comidas típicas, produzidas artesanalmente por imigrantes e descendentes radicados na cidade.

Veja o que mais você vai encontrar na Praça das Etnias:

  • casas com arquitetura típica da Itália, Portugal e Alemanha;
  • feira orgânica com uma variedade de legumes, verduras, temperos, frutas, sucos, doces, vinhos, massas e pães;
  • feira de artesanato onde você pode comprar itens de decoração e utensílios para casa;
  • jardins super floridos.

Assim como toda a cidade, a Praça das Etnias também fica toda iluminada durante o Natal Luz de Gramado.

Combine a visita a Gramado com passeios em Canela

Bem pertinho de Gramado, cerca de dez quilômetros de distância, está também a charmosa cidade de Canela. Pela proximidade, ambas são bastantes integradas, como se fossem uma só, e permitem que os turistas circulem facilmente de um ponto a outro.

A vizinha de Gramado não deixa nada a desejar com uma arquitetura também marcada pelos traços europeus e natureza exuberante. Confira agora duas sugestões de pontos turísticos para visitar a dois em Canela.

Catedral de Pedra

A Catedral Nossa Senhora de Lourdes começou a ser construída em 1953, na praça que fica no centro da cidade. Ficou mais conhecida como Catedral de Pedra porque a sua fachada é toda revestida por pedras basalto.

A estrutura, de estilo gótico, tem uma torre com 65 metros de altura e mais 12 sinos, feitos de bronze. No altar, quadros de madeira e argila que retratam a Santa Ceia e a Via Sacra de Jesus ajudam a deixar o interior da igreja também muito bonito.

A Catedral de Pedra ficou ainda mais conhecida em 2010, ano no qual foi eleita uma das sete maravilhas do Brasil. Depois desse título, ela ganhou uma iluminação externa especial, com luzes coloridas que são ligadas todos os dias à noite.

Na época do natal, a igreja também ganha luzes em comemoração à data.

Parque do Caracol

Essa é outra grande atração desse destino. A apenas sete quilômetros da cidade, o turista encontra uma área verde de 25 hectares. O cartão-postal do parque é a Cascata do Caracol com seus exuberantes 131 metros de queda livre.

Com um pouco de disposição, o visitante pode chegar à base da cascata subindo uma escada com 927 degraus. Acima dessa base, a 150 metros de altura, existe ainda um mirante de onde se pode admirar a força das águas que percorrem uma formação basáltica até chegar ao topo para despencar.

O parque ainda oferece passeio de trem, trilhas bem sinalizadas para caminhadas em meio à mata e uma torre de 30 metros que tem uma vista panorâmica de 360 graus da Cascata do Caracol.

Cidade com calendário cultural agitado

Você também pode programar a sua viagem a Gramado para um período em que a cidade estiver recebendo algum evento importante. Um dos principais é o tradicional Festival de Cinema de Gramado, realizado no Palácio das Artes.

Desde 1973, quando o festival começou a ser promovido, a cidade recebe anualmente nomes importantes da televisão e das telonas do cinema. Todos querem levar para casa um Kikito, o prêmio que é um dos mais concorridos do país.

Produções como “Como nossos pais”, de Laís Bodanzky, “Barata Ribeiro, 716”, de Domingos Oliveira, “Ausência”, de Chico Teixeira e “A Estrada 47”, de Vicente Ferraz são os vencedores de melhor filme na categoria Longa-Metragem Brasileiro das últimas quatro edições do festival.

No clima do evento, vale visitar ainda o Museu do Festival de Cinema, que tem o objetivo de preservar a memória do festival e celebrar a sétima arte. No espaço, o público pode ver projeções cinematográficas, brincar com jogos interativos, conhecer um minicinema e muito mais.

Outro período que também atrai muitos turistas a Gramado é o fim de ano, quando se celebra o Natal de Luz. A cidade toda se ilumina, gerando um clima de magia, sonho e festa. Nessa época, também são promovidos por lá vários shows e eventos especiais.

O que você achou de conhecer um pouco mais sobre essa charmosa cidade? Gostou das nossas sugestões sobre o que fazer em Gramado e quer saber mais a respeito desse destino e de outras viagens? Então curta já a nossa página oficial no Facebook e fique por dentro!