Viajar é tão bom que, o quanto antes iniciamos nossas aventuras, mais chances temos de explorar muitos lugares incríveis! E a alegria é maior ainda quando saímos em família. Mas, com crianças pequenas, precisamos tomar alguns cuidados na escolha do destino para garantir a segurança e a diversão de todos.

Por isso, preparamos este texto com sugestões para ajudar no planejamento dos primeiros passeios em família. Confira também a nossa lista com 9 lugares para viajar com bebê!

Cuidados essenciais

Primeiro de tudo, é preciso pensar nas necessidades da criança de acordo com a sua idade. Bebês com poucos meses de vida precisam de atenção e muitos cuidados. Por isso, o ideal é levá-los a destinos tranquilos, longe da multidão e de preferência perto da natureza. Ambientes calmos são mais recomendados porque eles ainda estão em processo de adaptação.

Por outro lado, o planejamento de viagens com bebês de até 6 meses é mais fácil do que se pensa. As roupas são pequenas, por isso ocupam menos espaço na mala, e os sapatos são praticamente dispensáveis. Como eles ainda mamam no peito, não é necessário levar objetos como pratos, colheres e copos. Se a criança estiver na companhia dos pais, limpa, alimentada e em um local de temperatura agradável, estará bem.

Colocando a criança em um carrinho de bebê ou carregando em uma bolsa canguru, é possível explorar o destino com facilidade. Faça paradas para alimentá-la e fazer carinho, assim o percurso será mais divertido. Que tal uma foto para registrar o momento e guardar de lembrança? Você pode iniciar uma coleção de fotos, reproduzindo as poses em diferentes idades.

Quando a criança cresce e completa um ano, começa a engatinhar, andar e até caminhar. A introdução alimentar também faz parte da rotina, portanto, leve isso em consideração ao planejar a viagem. Confira alguns cuidados:

  • reserve um bercinho ou cercadinho no local da hospedagem;

  • dê preferência a quartos sem escadas;

  • verifique se o hotel tem uma copa kids, com itens que facilitam a preparação de alimentos, como frutas e leite, e micro-ondas para aquecer a mamadeira;

  • não deixe a criança sozinha, mesmo que a hospedagem ofereça um espaço kids. Ela sempre deve estar acompanhada dos pais ou da babá.

Em todas as idades, os pais devem consultar um pediatra antes da viagem, para se certificarem da saúde do bebê e receberem as recomendações do profissional. Tire as suas dúvidas e providencie os medicamentos que podem ser úteis. Depois disso, é hora de escolher o destino e partir.

Então confira agora as nossas sugestões!

Lugares para viajar com bebê

1. Beto Carrero World – Santa Catarina

A praia da Penha, em Santa Catarina, é calma, de águas cristalinas e tem beleza natural exuberante. Ela já é uma boa atração, mas esse lugar também reserva um paraíso para as crianças: o Beto Carrero World, maior parque temático da América Latina. Uma explosão de cores e brinquedos para todas as idades. As apresentações e os animais da reserva do parque são encantadores!

2. Porto de Galinhas – Pernambuco

Esse é o lugar ideal para pessoas que gostam de praias com águas clarinhas e temperatura agradável. Com piscinas naturais e muitos peixes, a diversão é garantida para toda a família. A região apresenta uma variedade de pousadas e resorts para tornar a sua estadia mais confortável.

Se o seu filho ainda não conhece o mar, leve-o para ver as águas transparentes de Porto de Galinhas. É o cenário perfeito para fazer lindas fotos!

3. Foz do Iguaçu – Paraná

As atrações naturais são o destaque do destino, mas ele reserva ainda outras vantagens. A infraestrutura é exemplo disso. Os hotéis estão acostumados a receber hóspedes de todas as idades, portanto, há acomodações confortáveis para qualquer público.

Além das Cataratas do Iguaçu, inclua o Parque das Aves e o Vale dos Dinossauros no seu roteiro. Você e sua família vão aproveitar bastante!

4. Gramado – Rio Grande do Sul

Que tal curtir o friozinho e a natureza exuberante de Gramado? A cidade tem um clima agradável e várias opções de entretenimento: Mini Mundo, Lago Negro, Gramado Zoo, Aldeia do Papai Noel, lojas de chocolate e muito mais! A rede hoteleira é moderna e atende a diversas necessidades.

Já imaginou seu bebê com roupinhas de frio? Ele vai ficar lindo, não é mesmo? E tomar aquele chocolate quente vendo as luzes da cidade? É uma delícia! Então aproveite esse destino para curtir com a família. Mas não se esqueça de levar agasalhos para se protegerem das baixas temperaturas.

5. Orlando – Estados Unidos

O paraíso das crianças não pode ficar fora da lista! Orlando e seus parques são um mundo de diversão tanto para os pequenos quanto para os adultos. Os desfiles dos personagens da Disney promovem interação com o público e as luzes encantam durante a noite. Não é à toa que esse é o destino mais visitado dos Estados Unidos.

O lugar oferece infraestrutura para as mamães e papais: trocadores, cadeiras de amamentação, lojas com produtos infantis, além de fraldas e leite. Os parques mais famosos de Orlando são:

  • Magic Kingdom;

  • Disney’s Animal Kingdom;

  • Disney’s Hollywood Studios;

  • Sea World;

  • Universal Orlando Resort.

6. Santiago – Chile

Que tal levar o seu filho para conhecer a neve? O Valle Nevado, maior estação de esqui do Hemisfério Sul, está localizado na cidade de Santiago, no Chile. São 44 pistas de esqui divididas entre as estações. O mês de julho é o mais indicado para visitar o local.

Como o seu filho ainda é bebê, ele não vai poder esquiar, mas isso não impede que ele desfrute do lugar. Ver e tocar a neve pela primeira vez já será emocionante. Além disso, o destino reserva outras atrações, como a gastronomia e a cultura local.

7. Itu – São Paulo

A cidade de Itu é conhecida pelo exagero, com itens gigantes. Os objetos são tão grandes que a pessoa se sente um personagem em uma casa de bonecas. Se para os adultos já é assim, imagine para os bebês! Vocês vão curtir bastante com as proporções diferentes. O cenário possibilita tirar fotos engraçadas para compartilhar depois.

Inclua no seu roteiro a Cidade da Criança e a Praça dos Exageros. Na loja de souvenir você pode comprar vários itens enormes: lápis de cor, cotonete, escova de dente etc. Experimente também o picolé de Itu, que tem dois sabores.

Para tornar o passeio ainda mais completo, você pode ir até a cidade vizinha, Salto, e conhecer o Parque do Lago, que tem brinquedos, lanchonete e espaço para se divertir com as crianças. O Monumento os Enamorados é outra atração, de onde é possível ver o Rio Tietê limpinho.

8. Buenos Aires – Argentina

Se o objetivo é sair do país e não ir muito longe, a Argentina é uma boa opção. Perto do Brasil, com idioma fácil de entender, o país tem belezas naturais incríveis e várias possibilidades de hospedagem. Além das famosas atrações turísticas, você pode se divertir com seu filho em lugares voltados para o público infantil. Confira algumas alternativas:

  • Museo de los Niños;

  • Buenos Aires Polo Circo;

  • Bosques de Palermo;

  • Planetário Galileo Galilei.

9. Beach Park – Ceará

O Beach Park é um complexo turístico com parque aquático, resorts, restaurantes, shows e eventos. É localizado na Praia de Porto das Dunas, com areia clara e água quentinha. Uma maravilha para curtir em família.

Mas, de todas as opções, o Acqua Park é o preferido do público infantil. Há brinquedos para todos os gostos e idades. A Correnteza Encantada, por exemplo, é ótima para um passeio em família.

Já para os pequenos, o Acqua Circo é o mais divertido. Água, cores e sons criam um ambiente lúdico, ideal para as crianças.

Recomendações de entretenimento

Além dessas sugestões de destinos, você pode levar seu filho para outros lugares que oferecem infraestrutura especial para o público infantil. Dê preferência a praias com águas calmas, como a Barra do Una, no litoral norte de São Paulo. Um baldinho, pá e moldes ajudam a montar castelos de areia. Mas lembre-se de usar protetor solar e roupas com proteção UV.

As águas termais também são uma ótima pedida para quem viaja com bebês. Elas estão disponíveis em destinos como Caldas Novas, em Goiás, e Rio Quente, em Mossoró, no Rio Grande do Norte. A água natural, vinda da nascente, tem propriedades positivas para o corpo. Esses ambientes contam com piscinas de águas frias e até fazendas, com animais e uma rica vegetação.

Cidades calmas e pacatas têm pousadas charmosas e são um convite para o descanso e tranquilidade. No Rio de Janeiro há Teresópolis e Conservatória, e em São Paulo você pode escolher entre Serra Negra, Lindoia, Atibaia, São Roque e São Francisco Xavier.

E que tal experimentar o contato com animais em um hotel-fazenda? Vacas, cavalos, galinhas são alguns dos bichinhos encontrados por lá. Há alternativas por todo o Brasil, especialmente no interior de São Paulo e Minas Gerais.

Mas se você quer conforto e acessibilidade, opte por um resort. Eles têm tudo em um só lugar: lazer, descanso e comodidade. Para ter mais tranquilidade, tire todas as suas dúvidas sobre o espaço antes de fechar a reserva. Pergunte, por exemplo:

  • se o lugar oferece banheira para bebê e berço;

  • se tem uma cozinha disponível;

  • se há uma equipe de babysitter;

  • se tem escada;

  • se há piscina para crianças, sem o barulho de som;

  • como é a praia em frente.

Com essas informações, você saberá se o passeio vai ser como espera.

Checklist de viagem

Para ter um passeio seguro, é fundamental se informar sobre a parte burocrática, itens de proteção e procedimentos para viajar com bebê. Confira a seguir alguns deles.

Documentos

Em viagens nacionais, a criança precisa ter carteira de identidade ou certidão de nascimento, acompanhada de carteirinha com fotografia. Já para as internacionais, é necessário um passaporte.

Bagagem

Como ainda são muito pequenos, os bebês se sujam com frequência, principalmente quando acontecem imprevistos. Portanto, calcule a quantidade de roupas de acordo com os dias de viagem e reserve algumas peças extras. Não se esqueça do chapéu e do protetor solar.

Hospedagem

Dê preferência a locais que estão preparados para receber bebês. Além de contar com programação infantil, é importante que o lugar não tenha escada e apresente proteção nas janelas. Serviços como babysitter, poltronas de amamentar e garrafas térmicas com água quente para mamadeiras farão toda a diferença na sua estadia.

Alimentação

Tente manter a alimentação habitual da criança, respeitando os horários das suas refeições. Consulte o cardápio do hotel e verifique se ele oferece opções para os pequenos, como papinhas e frutas. Para hidratar o bebê, dê água de coco.

Saúde

Depois de conversar com o pediatra e seguir todas as recomendações dele, você vai precisar ficar atento à saúde da criança durante a viagem. Contrate um seguro temporário para ficar mais tranquilo e tenha um kit com remédios para enjoo, antialérgicos, antitérmico e um termômetro.

Previna-se dos mosquitos com repelentes, velas de citronela e mosquiteiros no berço. Por precaução, informe-se sobre os hospitais e médicos de plantão na cidade.

Contatos de emergência

Tenha números de telefones importantes em um local de fácil acesso: do pediatra, do plano de saúde, do hotel e de parentes mais próximos. Eles podem ser úteis em algum momento da viagem.

Proteção solar

Siga as instruções do médico para proteger o seu bebê dos raios solares. Para evitar a exposição aos raios UV, escolha os horários antes das 9h30 e depois das 16h30. 

Meio de transporte

Independentemente do veículo, transportar bebês requer cuidados especiais. O carro deve ser utilizado para passeios curtos e com uma acomodação especial para a criança. Já para viagens de avião, dê preferência a voos rápidos e sem conexões. Os assentos da primeira fila são mais espaçosos. Se seu filho tiver até 6 meses de vida, solicite um berço na reserva.

Para lidar com a diferença de pressão durante o voo, use uma mamadeira com água ou dê uma chupeta. Você pode levar a mamadeira pronta e pedir para esquentá-la a bordo. Se o tempo de voo necessitar de uma refeição, consulte as opções oferecidas pela companhia aérea. Algumas empresas contam com itens para bebês e crianças, mas é preciso reservar o serviço com até 48 horas de antecedência do voo.

Sugestões

Para tornar a sua viagem agradável, lembre-se de que o conforto do seu filho é o mais importante. Afinal, se ele não estiver bem, você também não estará. Planeje o passeio com bastante antecedência e confira a previsão do tempo antes de fazer as malas.

Com essas informações e sugestões de lugares para viajar com bebê, a diversão em família está garantida! Procure manter a rotina da criança ao máximo, incluindo o sono e a alimentação, para que ela fique mais confortável, e reserve o seu brinquedo favorito para que ela se sinta acolhida. Doe toda a sua atenção e carinho, pois você é a melhor companhia para o seu pequeno!

Gostou do texto? Então compartilhe nas suas redes sociais e ajude outras mamães e papais que querem viajar com seus filhos!