Conheça os 13 passos para organizar uma mala de viagem. Para muitas pessoas, organizar uma mala de viagem é um dos melhores momentos, pois significa que o passeio está finalmente se aproximando.

13 passos para organizar uma mala de viagem

Porém, mesmo parecendo uma tarefa simples, é necessário tomar certos cuidados na hora de arrumar a bagagem.

Em primeiro lugar, o viajante deve saber que existem dois tipos de malas: a despachada e a de mão.

As bagagens despachadas são aquelas transportadas no compartimento de carga da aeronave.

Elas devem ser entregues na hora do check-in e são devolvidas na chegada.

Nesse tipo de mala, devem estar os itens mais pesados, como roupas, calçados e produtos de higiene pessoal.

Lembre-se de que há um limite de peso, definido por cada companhia aérea.

Já a bagagem de mão é aquela que o passageiro tem direito de levar consigo durante o voo.

Ela pode ser uma mochila, bolsa ou uma pequena maleta.

Nela, devem conter itens pessoais e de valor expressivo, como dinheiro, remédios, documentos etc.

É importante saber que, na cabine do avião, é proibido carregar objetos cortantes e frascos de líquidos acima de 100ml.

Assim como a mala despachada, a bagagem de mão também tem um limite de peso e tamanho, que pode variar de acordo com a empresa.

Como você pode ver, organizar uma mala de viagem realmente não é tarefa simples.

Mas sem pânico!

Separamos 13 passos para organizar uma mala para que você complete essa missão sem se esquecer de nada, para que o seu passeio seja um sucesso do início ao fim.

13 passos para organizar uma mala de viagem

1. Escolha a mala que mais combina com você

Como já falamos neste artigo, existe uma mala perfeita para as suas necessidades. O modelo que mais combina com você depende do destino, da duração da viagem e do seu estilo de vida.

Por exemplo, caso queira passear com toda a família, incluindo os filhos pequenos, é recomendado levar uma bagagem grande para incluir todos os itens necessários.

O mesmo vale para viagens para lugares frios, pois roupas de inverno costumam ocupar muito espaço.

Porém, se você for fazer uma viagem curta de trabalho, não há necessidade de uma mala lotada de coisas. O ideal é carregar apenas o necessário.

Portanto, escolha o modelo que vai satisfazer as necessidades da sua viagem.

No geral, as retangulares com rodinhas são mais eficientes e ainda têm tamanhos variados.

2. Sempre faça uma checklist antes de organizar a mala de viagem

Para uma viagem de sucesso, planejamento é a palavra-chave.

E, para que nada fique de fora do plano, sempre é bom recorrer à famosa “listinha”.

Pense bem em tudo que você vai precisar na sua viagem.

Vai passear com filhos pequenos? Quais itens para crianças é preciso levar? O destino é frio? Ou é quente? Vai precisar de roupa de banho? É necessário ter um traje mais formal? Quais produtos de higiene pessoal e maquiagens você vai ter que usar?

Essa etapa pode gastar uns minutinhos, mas você verá que vale a pena.

Assim que tudo estiver organizado, é só pôr a mão na massa e partir para o próximo!

3. Separe os eletrônicos

Hoje em dia, está cada vez mais comum viajar com aparelhos eletrônicos a tiracolo.

Seja para trabalho ou para o lazer, os eletrônicos têm presença garantida nas malas dos viajantes.

No geral, é recomendado levar os eletrônicos na bagagem de mão.

Como são objetos de valor, é bom que você esteja com eles por perto, para não correr o risco de perdê-los em caso de mala extraviada.

Porém, em algumas situações, é necessário despachá-los.

Procure então separar os eletrônicos do restante dos itens que vão dentro mala.

Existem até kits específicos para guardar notebooks, tablets, fones de ouvido, carregadores e adaptadores, entre outros.

O ideal é optar por cases e capas acolchoadas, capazes de proteger os dispositivos de possíveis batidas e arranhões.

4. Faça uma organização interna

Há aqueles que afirmam que arrumar mala é uma arte, pois necessita paciência, cuidado e habilidade para encontrar um lugarzinho para cada coisa.

Realmente, não é uma tarefa tão simples quanto muitos podem imaginar.

Além de saber quais itens levar, também é necessário pensar onde cada um deve ficar.

Mas não se preocupe, nós estamos aqui para ajudar!

A primeira sugestão é colocar na parte de baixo todas as peças mais resistentes e que não tem problema se amassarem um pouco, como calças, bermudas, roupas de banho etc.

Já na parte de cima, foque nas que amassam facilmente, como camisetas, blusas e vestidos.

Para não se preocupar muito, você pode apostar em tecidos que não amassam com facilidade, como poliéster, lã e acrílico.

Além disso, para arrumar uma mala de viagem como um profissional, você também pode adquirir um organizador de bagagem.

Com ele, é possível criar compartimentos e saber exatamente onde está cada peça.

5. Dobre as roupas adequadamente

Dobrar uma peça de roupa não parece ser uma tarefa complicada, certo?

Mas muitas pessoas se atrapalham nessa etapa.

Elas acabam chegando ao destino com a ingrata surpresa de encontrar suas roupas todas amarrotadas.

Para que isso não ocorra em sua viagem, a nossa ideia é simples: enrole-as.

Com os rolinhos, você economiza espaço e ainda consegue organizar melhor o que está levando.

Porém, esse método não vale pra qualquer coisa.

Existem alguns itens que não é adequado enrolar, como trajes sociais e casacos, pois podem ficar muito amassados ou volumosos demais.

6. Tenha cuidado com os calçados

O calçado é sinônimo de dor de cabeça na hora de organizar uma mala de viagem.

Em primeiro lugar, você deve decidir quais pares vai carregar.

Para destinos praianos, sempre é bom ter uma sandália.

Se for para um lugar frio, uma bota cai bem.

Ah, e caso vá para algum evento social, deve levar um sapato adequado.

Com tudo isso, a grande questão é: como acomodar todos esses calçados dentro da mala?

Bom, antes de mais nada, conforme-se com a ideia de que você não pode carregar todos os calçados do seu armário.

Eu sei que parece tentador, mas eles ocupam bastante espaço e fazem a bagagem ficar muito mais pesada.

Por isso, é necessário selecionar apenas aqueles que serão indispensáveis na viagem.

Na hora de colocar na mala, guarde-os em sacos de tecido TNT ou aqueles tipo Ziploc.

Outra ideia é utilizar toucas de banho descartáveis nas solas, para que elas não sujem as roupas.

Lembre-se também de aproveitar o interior dos calçados para acomodar elementos menores, como meias e gravatas.

Isso também ajuda a preencher o sapato para que ele não se deforme com o peso dos outros objetos.

7. Separe os itens de beleza e de higiene pessoal

Os produtos de beleza e higiene pessoal são os que você mais deve prestar atenção na hora de organizar uma mala de viagem.

Como alguns são líquidos, há sempre o risco de abrir a sua mala e ter a infeliz surpresa de encontrar algumas peças molhadas e manchadas.

Para que esse perigo seja mínimo, é recomendado levar produtos de higiene pessoal, cosméticos e maquiagem em frasqueiras.

Existem algumas próprias para viajantes, com locais reservados para acomodar tudo.

Elas são ótimas para quem pretende passear com a família, pois há compartimentos específicos para os objetos das crianças, como as escovas de dente e o protetor solar.

Você também pode colocar os frascos com líquidos em pequenos sacos do tipo Ziploc, para que nada dê errado.

Porém, lembre-se de que os hotéis disponibilizam produtos de higiene básica como xampu, condicionador e sabonete.

Portanto, se não for tão apegado ao tipo de xampu que usa, não precisa se preocupar com isso.

8. Coloque as roupas íntimas e o pijama em lugares de fácil acesso

As roupas íntimas são peças indispensáveis em qualquer passeio.

Portanto, preste bastante atenção nelas na hora de organizar uma mala de viagem.

Elas devem estar em um local bem acessível dentro da sua mala, pois serão usadas diariamente.

Caso elas fiquem no fundo, você terá que tirar todos os itens toda vez que precisar vesti-las.

O mesmo acontece com o pijama.

Após um longo dia de passeio, você não quer ter que desfazer a sua mala por completo até conseguir pegar o seu pijama, não é mesmo?

Por isso, coloque-o em um lugar de fácil acesso, como no topo, e fique orgulhoso de si mesmo por ter pensado nisso ao deitar tranquilamente na cama.

9. Um cabide pode ser o seu salvador

Infelizmente, apesar de todos os cuidados, alguma peça de roupa importante pode ficar amassada.

Caso isso aconteça, não entre em pânico!

É só você levar um cabide de plástico e pendurar essa roupa no banheiro.

O truque é: ao tomar um banho quente, o vapor proveniente da água vai ajudar a desamassar o tecido.

Ajude alisando a peça com as mãos depois, usando a cama como apoio.

10. Deixe sempre algum espaço sobrando

Com certeza, esse é um dos mais importantes passos a serem seguidos na hora de organizar uma mala de viagem.

Você não pode, de maneira alguma, sair de casa com a mala completamente preenchida.

Caso isso aconteça, você corre grande risco de pagar por excesso de peso.

Além disso, pense nas coisas que você talvez compre durante a viagem.

Todos nós adquirimos algo, nem que seja uma lembrancinha, aquele eletrônico a um preço bem acessível ou até roupas.

Se a sua mala estiver toda ocupada, onde vai levar essas compras de volta para casa?

Por isso, sempre deixe um lugar sobrando.

O mais recomendado é viajar já pensando nos itens que vai comprar e separar um espaço para as novas aquisições.

11. Leve uma mala dentro da mala

Tudo bem, sabemos que é difícil se controlar na hora das compras.

Em viagens, muitas vezes, somos tentados pela grande variedade de produtos e compramos mais do que devíamos.

O que fazer nesses casos?

Bom, você pode correr desesperadamente de loja em loja à procura de uma nova mala.

Essa tarefa faria você gastar tempo e dinheiro sem necessidade.

Porém, se seguir a nossa sugestão, não vai ter que passar por essa situação desagradável. Basta abrir a sua mala e pegar a sua bolsa dobrável.

Normalmente, elas são de tecido e podem ser encaixadas em qualquer espacinho.

É só colocá-la em algum canto e utilizá-la quando for necessário.

Na sua viagem, você verá que ela ainda pode ser usada para outros fins, como para levar objetos quando for à praia ou à piscina.

12. Sempre tenha um saco plástico

Durante uma viagem, não temos como lavar a nossa roupa e nem queremos gastar dinheiro em lavanderias, então sempre voltamos com algumas peças sujas dentro da mala.

Por esse motivo, é bom ter um saco plástico para separar o que está sujo do que está limpo.

O saco pode ser acomodado no fundo da mala.

O problema é que, ao colocar o saco cheio de itens sujos na mala, muitas pessoas se queixam de que ele ocupa lugar demais.

Para que isso não aconteça, siga à risca a nossa sugestão de sempre deixar um lugarzinho sobrando dentro da sua mala.

Também é importante dobrar as roupas sujas com o mesmo cuidado com que dobrou as limpas.

Peças emboladas de qualquer jeito são mais volumosas.

13. Identifique a sua bagagem

Apesar de não estar diretamente relacionado à organização de uma mala de viagem, é importante seguir esse passo.

Infelizmente, existem muitos casos de pessoas que, ao chegar no seu destino final, descobrem que a bagagem foi extraviada.

Para que isso não aconteça com a sua, há maneiras de se prevenir.

É só identificá-la bem com nome, endereço e telefone.

Não faça isso somente por fora, faça também por dentro, pois a etiqueta pode ser rasgada ou cair.

Outro grande problema envolvendo identificação de malas é o fato de muitas serem bastante parecidas, o que dificulta o reconhecimento.

Para evitar isso, é só colocar algo para diferenciar a sua mala facilmente, como fitinhas e adesivos coloridos.

Ufa!

Já vimos que arrumar as bagagens de fato não é uma tarefa fácil e você aprendeu os 13 passos para organizar uma mala de viagem.

Porém, durante a sua viagem, você verá que todos os esforços valeram a pena.

Agora que já sabe todos os passos para organizar a mala de viagem sem se esquecer de nada, é só pôr a mão na massa e depois partir para o seu passeio!

E se você não quiser ficar por fora de mais conteúdos interessantes sobre viagens, não se esqueça de curtir a nossa página no Facebook!