Muito além de famosas cidades históricas e da capital Belo Horizonte, Minas Gerais oferece destinos surpreendentes que você precisa descobrir.

No norte do estado, a cidade de Montes Claros se destaca como importante polo comercial, industrial e de serviços para o norte de Minas e sul da Bahia.

Leia nosso artigo e descubra por que vale a pena ir correndo comprar sua passagem para Montes Claros e aterrissar no aeroporto Mário Ribeiro para explorar as atrações do lugar.

Saiba um pouco mais sobre a cidade

O censo do IBGE de 2017 registrou que os Montes-clarenses já são mais de 400 mil. É muita gente esperando para cercar o turista de carinho. A princesinha do norte, como também é conhecida, oferece ótima estrutura de ensino, com universidades de renome, como a Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Como tantas cidades mineiras, suas origens remontam à época dos bandeirantes, quando exploradores paulistas desbravaram os sertões do estado em busca de pedras preciosas.

O primeiro núcleo, que tinha o curioso nome de Arraial das Formigas, foi elevado a vila e depois tornou-se a cidade de Montes Claros em 1857.

A cidade está situada a 420 quilômetros ao norte de Belo Horizonte, sendo acessível pelas rodovias federais BRs 135, 265, 251 e 122 e é bem servida de transporte aéreo, com vários voos diários operando no aeroporto local.

Qualquer época é boa para reservar uma passagem para Montes Claros e voar em busca de seus encantos, mas de abril a outubro quase não chove e as temperaturas são amenas. Entre novembro e março, o tempo encoberto é mais frequente, mas os termômetros não costumam passar dos 30 graus.

Descubra as atrações de Montes Claro

Agora para mostrar que vale a pena adquirir uma passagem para Montes Claros, vamos ressaltar alguns locais que precisam participar do seu roteiro de viagem. Lembre-se que ao comprar o seu bilhete, verifique a possibilidade de incluir pacotes com roteiros turísticos para os locais que mais chamaram a sua atenção, a partir desse texto.

Parque Estadual da Lapa Grande

Situado a 12 quilômetros do centro de Montes Claros, em uma área de 15.320 hectares, este é o lugar para quem busca contato com a natureza para admirar grutas, rios cristalinos e muito verde.

As trilhas são Lapa Grande, Ponte de Pedra, Boqueirão da Nascente e Lapa Pintada, com percursos de duração variada. O parque oferece guias e o grau de dificuldade das trilhas é de fácil a médio.

Para quem preferir pedalar, há percursos de cerca de 15 quilômetros passando por várias fazendas da zona rural.

Gruta e Cachoeira do Andorinhão

Situam-se entre os municípios de Claro dos Poções e Montes Claros. No interior da bela gruta, um rio subterrâneo forma poços e cachoeiras, mas a visitação é restrita. Informe-se com antecedência sobre a permissão de entrada na gruta.

Já a cachoeira, você pode desfrutar à vontade. Um refrescante mergulho nas águas transparentes do poço que se forma sob a queda de seis metros de altura vai renovar sua disposição para mais passeios bonitos.

Só não se esqueça de seguir o regulamento: churrasco, bebidas alcoólicas e som alto são proibidos.

Parque Municipal Mílton Prates

Está viajando com crianças e não quer se arriscar nas trilhas? Pois saiba que é possível relaxar e se divertir ao ar livre bem no centro de Montes Claros.

Na área do parque municipal, de cerca de 200 mil metros quadrados, a atração central é a Lagoa dos Patos, com barquinhos e pedalinhos. No entorno da lagoa, há gramados, academia ao ar livre, banheiros públicos, restaurante, ginásio poliesportivo e pista de caminhada.

A Guarda Municipal garante a segurança, então a família pode desfrutar de tudo com tranquilidade.

Mercado Municipal

Sabe qual é o melhor lugar para conhecer as cores, cheiros e sabores de uma cidade? Claro, o mercado!

Então, em sua passagem por Montes Claros, vá conhecer o mercado e se fartar com as frutas, queijos, cachaças, doces e temperos, além de admirar o artesanato da região.

Come-se bem e barato nos bares simples do mercado, que fica na Rua Marechal Deodoro, bem no centro da cidade.

Museu Regional do Norte de Minas

No centro histórico da cidade, bem perto do mercado, o museu está em um belo casarão antigo que acaba sendo a principal atração. O espaço é patrocinado pela UNIMONTES.

O acervo permanente é modesto, mas há exposições e programação educativa, visando a preservação e a promoção da cultura da região norte de Minas Gerais.

Normalmente, o museu fica aberto de terça a sexta, entre 8 h e 17h30, mas em alguns períodos o horário vai até 22 h. Informe-se antes.

As belas igrejas de Montes Claros

A arquitetura religiosa da cidade é outra atração para os visitantes, não importa de que religião.

Veja as igrejas que valem uma visita:

  • Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição e São José, na Praça Doutor Chaves, é a mais antiga, data de 1859 e preserva a porta-original;
  • Catedral Nossa Senhora Aparecida, na Praça Pio XII, foi construída em 1959 em estilo neogótico;
  • Santuário de Bom Jesus, na praça Bom Jesus, está celebrando seu centenário em 2018 com muitas festas e celebrações religiosas;
  • Capela do Nosso Senhor do Bonfim, ou a igrejinha dos Morrinhos, em estilo colonial simples, fica no Alto dos Morrinhos de onde se descortina uma bela vista da cidade.

Gastronomia e vida noturna

Gosta de sair à noite para comer bem e pagar um preço justo? Então, Montes Claros é seu destino.

A comunidade universitária contribui para a vida noturna animada da cidade e lota os bares e restaurantes de comidas populares, como hambúrgueres, pizzas, açaí, churrasquinhos etc. Além disso, desfrute da comida mineira autêntica.

Prefere gastronomia contemporânea em restaurantes mais sofisticados? Montes Claros oferece também. Prove de tudo, mas não deixe de saborear os dois ingredientes culinários que fazem a fama da cidade: a carne de sol (ou carne serenada) e o pequi.

Dois lugares muito procurados para um gostoso churrasco de carne serenada são a Churrascaria João Maia, situada no km 384 da rodovia João da Silva Maia, e a Casa Amaral, na rua Olímpio Dias de Abreu.

Quanto aos apreciadores do pequi, a exótica frutinha sertaneja de cheiro marcante, a atração imperdível é a Festa Nacional do Pequi, que acontece, geralmente, no mês de março. Saboreie e vote para eleger o melhor arroz de pequi da região!

Como você pode ver, a princesa do norte está à sua espera com atrações naturais, culturais e gastronômicas que vão proporcionar férias inesquecíveis para a família toda. Para concluir o nosso artigo, uma informação importante: ao reservar sua passagem para Montes Claros, saiba que a Azul opera voos frequentes para a cidade e você pode pagar em até 6 vezes sem juros.

Gostou de conhecer uma ótima opção para suas férias em Minas? Pois temos muitas outras informações sobre ótimos destinos de viagem. Confira!