Ler um livro é como fazer uma viagem sem sair do lugar. Agora imagine se você pudesse visitar lugares que ambientam suas leituras e viver, pelo menos um pouco, as aventuras daquelas narrativas. Isso enriqueceria sua experiência e proporcionaria histórias incríveis para compartilhar com amigos e familiares.

É aí que entra a viagem literária como uma ótima opção para o seu próximo destino. Esse conceito se refere a locais turísticos que foram planos de fundo para obras literárias. Inclusive, eles são interessantes também como destinos para fãs de cinema e séries.

Quer conhecer alguns desses lugares e começar, agora mesmo, a planejar a sua viagem literária? Então, continue a leitura!

Barcelona

“Dom Quixote” é um dos livros mais famosos do mundo, um clássico espanhol. Ele narra as aventuras de um cavaleiro chamado de Dom Quixote, que percorre a Espanha junto ao seu escudeiro Sancho Pança e ao seu cavalo Rocinante.

Apesar de o personagem ser da região de Castela-Mancha, algumas das cenas que mais marcam o livro se passam em Barcelona. Isso porque é quando o protagonista vê o mar pela primeira vez e é na praia que ele duela com o cavaleiro da Branca Lua. Portanto, se você quer dar cor à narrativa, Barcelona pode ser o melhor destino literário.

Vale lembrar que a cidade é repleta de outras atrações do Velho Mundo. Em primeiro lugar, ela se destaca pela arquitetura, com construções e monumentos que fazem parte da história. O destaque vai para a notável Igreja Sagrada Família.

Em Barcelona, ainda é possível experimentar diversos pratos típicos locais e conhecer museus com obras importantes e encantadoras.

Londres

Outra inspiração para várias pessoas mundo afora são as aventuras do detetive Sherlock Holmes. Durante a leitura, é impossível não se imaginar andando pelas ruas de Londres buscando pistas para solucionar os mistérios retratados nas obras.

É por isso que Londres é outra cidade que não pode ficar de fora de um roteiro turístico literário. Vale ressaltar que é possível até visitar um museu dedicado à vida do detetive e à época vivida por ele. Por lá, você encontrará uma série de objetos relacionados às tramas, como cachimbos e tubos de ensaio.

Mas como você já deve imaginar, a capital da Inglaterra ainda reserva uma série de outros atrativos: você pode dar um passeio pelos ônibus vermelhos de dois andares, visitar pontos turísticos relacionados à família real, conhecer museus, locais e monumentos internacionalmente conhecidos, como o Big Bang. Também vale dar uma conferida na roda gigante mais famosa do país, a London Eye.

Greenway Halt

Por falar em romances policiais em território inglês, a cidade da escritora Agatha Christie não pode ficar de fora, não é mesmo?

A Rainha do Crime possuía uma casa de veraneio em Greenway Halt, localizada no condado de Devon, na Inglaterra. Esse ambiente ficou preservado e está aberto para visitação. Na casa, você pode conhecer os cômodos nos quais ela criava os romances e até a coleção de livros da autora. Além disso, estar em Devon permite que você faça passeios por lugares que Agatha Christie costumava visitar.

A região tem belas paisagens, que vão além do tour literário. Greenway Halt também foi palco de importantes capítulos da história mundial, sendo um dos locais com participação no Dia D, evento da Segunda Guerra Mundial.

Salvador

Não são apenas os destinos internacionais que fazem parte do turismo literário. O Brasil, país de Guimarães Rosa, Machado de Assis e Drummond, também reserva uma série de encantos que pode transportar você para dentro das suas obras favoritas.

Entre esses autores está Jorge Amado, escritor de “Capitães da Areia”, “Gabriela, Cravo e Canela” e outros livros renomados. Apesar de ser de Itabuna, o autor passou grande parte da sua vida em Salvador, sendo o local uma inspiração para diversos cenários dos seus livros.

Na cidade, é possível visitar a casa na qual ele morava, que tem em seu interior diversos documentos e objetos pessoais do autor. “Capitães da Areia” e “Mar Morto” são as obras que mais retratam cenários de Salvador. Além disso, você pode aproveitar o momento na Bahia para visitar também Ilhéus e Mangue Seco, outras cidades protagonistas na vida e obra de Jorge Amado.

Vale lembrar que Salvador guarda mais encantos. Você pode incluir no roteiro da viagem visitas ao Pelourinho, ao Mercado Municipal, às praias turísticas e ao famoso Elevador Lacerda.

Paris

Dan Brown, autor de “O Código Da Vinci”, pode até não ser europeu, mas ninguém nega que o livro escrito por ele leva a um tour pela Europa diante de cenários de cidades incríveis. Paris é uma delas, uma vez que o livro começa com um crime no Museu do Louvre.

Na capital da França, você poderá conhecer esse museu de perto, assim como diversas obras citadas no livro. Ainda vale destacar que a cidade é palco e berço de outros escritores renomados. Durante a viagem, você pode aproveitar para fazer uma visita aos cafés literários, frequentados por personalidades como Jean-Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Jean Giraudoux e Ernest Hemingway.

A cidade tem outros pontos turísticos importantes. Obviamente, a Torre Eiffel está entre eles. Destacamos também a Catedral de Notre-Dame, o Arco do Triunfo e o passeio de barco pelo Rio Sena. Sem contar que Paris é uma das cidades mais românticas do mundo.

Se você é admirador de literatura e viagens, percebeu com este conteúdo que é possível conciliar essas duas paixões em uma só experiência.

Não importa se o seu objetivo principal é visitar os locais em que os seus livros favoritos se passam ou as casas dos autores, para imaginar o processo de criação das narrativas que fazem parte da sua vida: a viagem literária pode ser a sua próxima opção para aproveitar as férias em grande estilo. Portanto, leve as nossas sugestões em consideração e comece, agora mesmo, a planejar esse passeio!

Gostou do artigo? Quer ficar por dentro das nossas próximas recomendações de viagens? Então, aproveite para acompanhar a Azul nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube.